Veja o que aconteceu na ARI

 

 

A MORTE DE ALBERTO NISMAN

A justiça não deve ser adiada… ou negada A World Union for Progressive Judaism se junta à liderança de nossa região na América Latina (WUPJ-LA) para expressar o choque e o horror com que recebemos a notícia da morte de Alberto Nisman, procurador principal na busca da verdade por trás do atentado contra o prédio da AMIA (Asociación Mutual Israeli Argentina) em Buenos Aires mais de 10 anos atrás, que resultou na morte de 85 vítimas inocentes e centenas de pessoas que sofreram ferimentos graves. Nos solidarizamos com a comunidade judaica na América Latina na exigência de uma investigação completa da causa de sua morte. Alberto Nisman era um homem notável, que perseguiu implacavelmente a verdade, independentemente da motivação política ou consequências. O ataque à AMIA em 18 de julho, 1994 foi um ataque contra toda a comunidade judaica, mas, em última instância, foi um ataque aos conceitos básicos da liberdade religiosa e do pluralismo, que fazem parte dos princípios mais importantes da World Union for Progressive Judaism. Enquanto esta morte trágica pode atrasar a justiça que todos nós procuramos, e para o qual a vida de Alberto Nisman foi dedicada, oramos para que a justiça finalmente seja vitoriosa – e nós descubramos a verdade por trás dos responsáveis pelo ataque à AMIA, e a verdade por trás da morte do promotor Nisman. Os responsáveis devem ser responsabilizados.   Rabino Daniel H. Freelander, Presidente da WUPJ Michael Grabiner, Presidente do Conselho da WUPJ Raul Gottlieb, Presidente da WUPJ-LA Miriam Vasserman, Vice-Presidente da WUPJ-LA

Aos 73 anos da ARI, recordamos nossos pioneiros

Por Silvio Harburger Já se vão 73 anos desde a fundação formal de nossa ARI, em 13 de janeiro de 1942, em assembléia solene após “formoso discurso” do Dr.Lemle, como consta literalmente na ata. Nossa história remonta à reunião dos primeiros imigrantes de origem alemã, em 1933, e posteriormente à chegada do Rabino Dr. Henrique. Lemle, em 1940. Da primeira sede, na Rua Barata Ribeiro, passando pela inesquecível Rua Martins Ferreira até a General Severiano, onde nos encontramos desde 1962, marcante é a participação da ARI na vida do Rio de Janeiro e no judaísmo brasileiro. Honramos a memória da primeira geração recordando seus feitos. A segunda geração está se aposentando; nossos dirigentes hoje são da terceira geração. O fato de a maioria da geração atual não ter vínculos familiares com a primeira atesta a visão dos pioneiros e a pujança da ARI. As missões se modificam continuamente, mas o objetivo LATORÁ, ULCHUPÁ UL’MAASSIM TOVIM é contínuo.

O risco da intolerância

No dia 7 de janeiro, um covarde atentado terrorista em Paris vitimou doze pessoas, inclusive jornalistas, do jornal Charlie Hebdo. No dia 9, o alvo foi um supermercado casher, vitimando quatro pessoas. Trata-se de uma afronta à democracia e à liberdade de imprensa e de opinião, que não pode ser tolerada. Nós, enquanto integrantes do Judaísmo Liberal, temos plena consciência do quanto o fundamentalismo e a intolerância podem ser instrumentalizados na luta pelo poder e na supressão da liberdade e do respeito às diferenças. Igualmente, somos da opinião de que o combate ao fundamentalismo não se dá através da generalização sobre os responsáveis ou com a prática de qualquer forma de fobia, mas sim com respeito às liberdades individuais e aos Direitos Humanos e no âmbito do Estado Democrático de Direito. Neste momento de dificuldade e dor, como Congregação fundada por perseguidos da barbárie nazista, nós nos solidarizamos com os familiares das vítimas e esperamos que esse terrível evento seja um alerta dos riscos que a intolerância traz.

Rabino Sérgio Margulies participa da posse do governador Pezão

Na cerimônia de posse do governador Luiz Fernando Pezão, dia 4 de janeiro, no Palácio Guanabara, líderes de várias religiões estiveram presentes e deixaram suas mensagens. Entre eles estava o rabino Sérgio Margulies, da ARI. “Ao Eterno agradecemos pelo potencial de trazermos os valores mais sublimes e profundos da vida como pilares da sociedade que almejamos construir”, observou o rabino. “Ao Eterno expressamos nossa bênção pela chance de sermos parceiros no processo de valorização dos ideais inspirados em Sua mensagem. Ao Eterno rogamos não fraquejarmos no trabalho da paz e da justiça e a não nos tornarmos insensíveis às aflições de tantos. Que em seus desafios e seus esforços, os líderes eleitos de nosso Estado, encontrem a proteção da bênção divina, afim de propiciarem ao povo deste Estado a acalentada paz”.

Retrospectiva 2014

Confira em apenas dois minutos os destaques de nossas atividades este ano na ARI e compartilhe:

ARI leva alegria aos bombeiros do Rio

Como já é tradição na ARI, todo o dia 24 de dezembro visitamos alguns quartéis do Corpo de Bombeiros do Rio para homenagear estes profissionais que se arriscam por nós ao longo do ano. O rabino Sergio Marguiles e um grupo de voluntários da ARI, acompanhados pela equipe da TV Band Rio, presenteou os bombeiros com panetones, um gesto de agradecimento que deixou-os emocionados. “É muito bom saber que esse nosso pequeno gesto faz uma grande diferença para esses bombeiros numa noite tão importante para eles”, diz Evelyn Freier Milsztajn (ao centro, na foto).

Rabino Dario Bialer em evento ecumênico no TJRJ

O rabino da ARI Dario Bialer participou no dia 8, no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), de um culto ecumênico com representantes das religiões católica, espírita e evangélica, como parte das homenagens pelo Dia da Justiça. A cerimônia teve a participação da presidente do TJ do Rio, desembargadora Leila Mariano, e do desembargador Mario Manheimer, entre outras personalidades do meio jurídico. Todos os religiosos presentes expressaram mensagens de paz, lembrando que não há distinção entre os homens, e pregaram também sobre a importância do amor, do perdão e da pacificação para a existência da justiça na sociedade. O coral da Mútua dos Magistrados realizou um bela apresentação de músicas religiosas durante a cerimônia. No dia 4, Dario Bialer já havia participado do debate Encontro Inter Religioso, dentro da série Cultura de Ponta, do Afroreggae. O rabino da ARI debateu com Fernando Celino (Comunidade Muçulmana), Diácono Nelson Águia (Comunidade Católica) e Marcio de Jagun (Candomblé), tendo como mediadora a professora Carla Albala Habif.

Chazanim da ARI emocionam platéia em Concerto de Chanucá

Os chazanim da ARI Oren Boljover e André Nudelman e o chazan David Alhadeff realizaram no domingo, dia 14, o concerto “Os 3 Tenores”, comemorativo a Chanucá. O Teatro da Hebraica lotou para assistir ao trio, que emocionou a todos apresentando músicas litúrgicas, clássicas e modernas e tradicionais canções em Idishe e Ladino. Após um tributo a Shlomo Carlebach, o concerto foi encerrado ao som de músicas de Chanucá, com público batendo palmas e cantando junto.

ARI lança Devarim nº25

  No dia 12 passado, a ARI lançou o número 25 de sua revista Devarim. Com o lançamento deste número a revista entra em seu décimo ano de atividade. Números redondos convidam a reflexões e a que se pode fazer sobre a Devarim é muito simples: sua proposta de refletir o pensamento e as inquietações dos judeus brasileiros comprometidos ao mesmo tempo com a modernidade e com o judaísmo se mantém válida. Dois artigos se destacam neste número, sem desvalorização alguma para os demais. O primeiro é do professor do HUC de Los Angeles Joshua Holo e aborda a complexa relação entre os judeus e os cristãos, mas com um foco bem ampliado onde se encontram alguns questionamentos sobre o que acarreta ser judeu atualmente. É uma leitura densa e imperdível para os interessados pela condição judaica. O segundo é uma tradução do texto publicado originalmente pela revista eletrônica Tablet do jornalista Matti Friedman onde ele analisa a desproporcional relevância que o tema “Israel e os Palestinos” ocupa no jornalismo mundial. O autor é tem conhecimento profundo sobre o assunto através de sua experiência pessoal e de uma acuidade especial. É igualmente uma leitura imperdível que acrescentará uma percepção muito necessária a todos os leitores da revista. A revista não se limita a estes dois artigos, trazendo à tona muitos outros temas interessantes, mas que não conseguem ser citados aqui, por limitação de espaço. Recomendamos que leiam a revista e firmem as suas próprias opiniões. Devarim é distribuída gratuitamente pela ARI para todos os sócios da ARI e para os que se cadastraram (e vierem a se cadastrar) no site www.devarim.com.br. Desejamos uma boa leitura, um feliz Chanuká e um bom fim de ano a todos!

ARI ELEGE PRESIDENTE, VICE-PRESIDENTES E CONSELHEIROS

Sócios da ARI escolheram no último domingo, dia 14, presidente, vice-presidentes e conselheiros da instituição para o biênio 2015 -2016. A ARI agradece a todos os que compareceram e parabeniza os candidatos eleitos.   CANDIDATOS ELEITOS PRESIDENTE Ricardo Gorodovits 1º VICE-PRESIDENTE Arieh Zagarodny 2º VICE-PRESIDENTE Marina Ventura Gottlieb CONSELHEIROS: Alberto Leo Jerusalmi Diane Kuperman Gerson Hirsch Jeanette Bierig Erlich José Raphael Bokehi Tamara Bronstein Landsberg Ari David Beer Frenkel Leonardo Leibovici Marcos Schechter Rosane Danon Mauro Szwarcwald (Suplente)